Fortuna Literária - Cesar Poletto

Poetizar é exteriorizar, é exaltar o belo, e, acima de tudo, embriagar-se com a vida.

Textos
Acrósticos (3) Cartas (2) Contos (5)
Poesias (49) Prosa Poética (643) Sonetos (46)
Título Categoria Data Leituras
AI DE MIM Prosa Poética 30/04/08 40
Ai, Poeta! Prosa Poética 25/07/06 29
Alimentos Complexos, Teores Filosóficos Poesias 01/08/06 103
Alma A Jazer no Quarto Prosa Poética 25/04/07 29
ALMA DE MULHER EM ROUCAS PALAVRAS Prosa Poética 09/07/07 48
ALMA EM PRANTO Prosa Poética 26/10/07 53
Alma Pesada Prosa Poética 03/11/06 57
ALMEIDA, O BRASILEIRO Prosa Poética 23/12/08 23
ALMEJO Prosa Poética 30/01/14 8
Alvorada e Deserto Prosa Poética 16/06/06 30
Amanhã De Uma Vez Sonetos 30/10/06 35
Amar Ou Se Deixar Levar Prosa Poética 04/07/06 49
AMASTE? Prosa Poética 12/09/07 57
Ambíguos Amores Prosa Poética 20/05/07 378
Amizade Não Faz Doutorado Contos › Cotidiano 08/08/06 211
AMO A ROSA Prosa Poética 23/07/07 63
Amor Prosa Poética 20/11/06 120
AMOR (AMBIGUIDADE DESAVERGONHADA POR DERIVAÇÕES INSÓLITAS) Prosa Poética 04/06/07 50
AMOR AMBÍGUO AMOR Prosa Poética 01/08/07 55
AMOR AO PASSO DO CAMINHAR Prosa Poética 02/06/08 41
Página 4 de 38 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 » [«anterior] [próxima»]
Site do Escritor criado por Recanto das Letras