Fortuna Literária - Cesar Poletto

Poetizar é exteriorizar, é exaltar o belo, e, acima de tudo, embriagar-se com a vida.

Textos
Acrósticos (4) Cartas (2) Contos (5)
Poesias (49) Prosa Poética (657) Sonetos (46)
Título Categoria Data Leituras
Psiu! Prosa Poética 30/04/07 40
AO LEITOR Prosa Poética 04/12/06 40
SENTIMENTOS II Prosa Poética 29/11/06 40
Verso Adoecido Sonetos 25/09/06 40
Vergonha de Matuto Sonetos 22/08/06 40
Meu Demônio Salta Longe Poesias 28/07/06 40
Traga pra Cá, O que Levou pra Lá Prosa Poética 07/07/06 40
A Sonhar Prosa Poética 05/07/06 40
Quatro de Julho Prosa Poética 04/07/06 40
É Dor, É Dor! Sonetos 15/06/06 40
QUAL O SEU MEDO? Prosa Poética 15/09/09 39
FAZ-SE AMOR Prosa Poética 03/12/08 39
A VIRGEM NO CEMITÉRIO Prosa Poética 01/10/08 39
IMAGEM DELA Prosa Poética 28/07/08 39
VAI À ALMA Prosa Poética 03/06/08 39
AH, ESSES ANJOS DA SOMBRA! – MENÇÃO A DRUMMOND Prosa Poética 20/05/08 39
SOBREVIVÊNCIA Prosa Poética 13/04/08 39
LIXO Prosa Poética 09/04/08 39
FALO DA VIDA Prosa Poética 13/06/07 39
SERIA POETA Prosa Poética 11/06/07 39
Página 14 de 39 « 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 » «anterior próxima»
Site do Escritor criado por Recanto das Letras