Fortuna Literária - Cesar Poletto

Poetizar é exteriorizar, é exaltar o belo, e, acima de tudo, embriagar-se com a vida.

Textos
Acrósticos (3) Cartas (2) Contos (5)
Poesias (49) Prosa Poética (643) Sonetos (46)
Título Categoria Data Leituras
Dermes Perecíveis Prosa Poética 24/07/06 38
DESARMÔNICA Prosa Poética 28/02/14 5
DESCANSE NA DOR Prosa Poética 23/11/06 41
DESEMPREGO DA ALMA Prosa Poética 01/12/08 28
DESGOSTO DE SEXTA-FEIRA Prosa Poética 14/09/07 40
DESGOSTO PRECISO Sonetos 26/05/07 45
DESMORONAR Prosa Poética 05/05/15 11
DESTE LAMENTO BROTOU A MINHA PAZ Prosa Poética 12/04/08 34
DESTEMIDOS OLHOS TEUS Prosa Poética 14/08/07 49
Destempero e Só Prosa Poética 01/10/06 36
DEUS? Prosa Poética 13/05/09 26
DEVANEIO AÇUCARADO Prosa Poética 10/10/07 46
Dez Ilusões Prosa Poética 17/08/06 33
Dia de Fel Prosa Poética 23/04/07 33
Dia de Lamento Prosa Poética 14/06/06 29
Dia sem Oceano (Vida sem Cazuza) Prosa Poética 28/04/07 117
DIAS FELIZES DE SOL E GRINALDA Prosa Poética 21/02/17 14
DISPERSÃO Prosa Poética 16/04/08 36
Distante do Cais Prosa Poética 26/07/06 28
Do Absinto ao Fel Poesias 13/06/06 39
Página 10 de 38 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 » [«anterior] [próxima»]
Site do Escritor criado por Recanto das Letras